Outras Cozinhas 49 – Kidoairaku

kidoairaku_Kidoairaku

R. São Joaquim, 394, 01508-000 Liberdade, São Paulo, SP

Desencantei e finalmente fui conhecer esse restaurante super especial da Liberdade. Há anos que ensaio uma visita, mas sempre acontecia alguma coisa e eu acabava indo para outro restaurante e adiava. No último sábado tudo deu certo, o universo conspirou a nosso favor e enfim nos entregamos às delícias que saem da cozinha desse modesto comedor.

Modesto se pensarmos em ambiente (super simples, com cara de sala de visitas da casa de alguém). Já a comida é luxuosa, para dizer o mínimo. Comida de autor, fora do convencional, feita na hora com os melhores ingredientes disponíveis. Além dos pratos fixos do cardápio, com teishokus muito especiais, uma série de preparos do dia que variam de acordo com os produtos disponíveis e as estações do ano.

Me senti em Tókio sem nunca ter estado lá. Tive a sorte de me sentar ao lado da boqueta (janelinha da cozinha, de onde saem os pedidos) e pude olhar o movimento dos dois cozinheiros, um balé perfeito, emocionante, com atos que começavam a cada pedido que entrava e terminavam com o som da sineta avisando ao pessoal do salão (super prestativos) que o preparo estava pronto.

Nesta primeira visita fomos de berinjela assada com missô (um dos carros chefes da casa), duas versões de atum, um com natô (soja fermentada em grãos) e outro com missô, um porco salteado com gengibre e ainda tofu com lascas de bonito (que eu amo), pra acompanhar muito shochu (saí de pilequinho de lá).

Estava tão bom, tão especial, que o duro foi conter a ansiedade de querer experimentar tudo de cara, logo na primeira visita, como que para compensar o tempo perdido até ali. Virou idéia fixa. Vou ter que voltar muitas outras vezes.