Publieditorial Azeites Andorinha – 4 vinagretes perfeitas para sua salada

Querid@s leitores,

Agora falta pouco para eu voltar de vez ao blog. Muita coisa aconteceu nesses meses de sumiço e por conta disso tenho muitas novidades prá contar!

A primeira delas, que já adianto, é que vamos trocar o layout aqui do blog por um novo lindo, lindo, lindo, como tudo que a querida Claudia Regina faz. Ela já está nos ajustes finais e eu com MUITAS receitas já fotografadas, para estrear na nova cara aqui da Cozinha da Matilde!

Enquanto finalizamos o que falta, segue um post publieditorial que acabei de fazer para os Azeites Andorinha, com a técnica da vinagrete perfeita + 4 receitas de vinagrete + 1 receita de salada! Espero que gostem!

As fotos lindas e inspiradoras são da queridona da Flávia Valsani!

beijocas e até logo mais de roupa nova,

Letícia

Vinagretes

Uma dúvida que as pessoas sempre têm em relação à salada, é como fazer aquele molhinho brilhante  e aveludado que elas sempre comem em restaurantes, preparado por chefs, mas que nunca acertam repetir em casa. Taí um post importante sobre técnica de cozinha que sempre adiei.

azeites-andorinha-(flavia-valsani-para-cozinha-da-matilde)

Quando os Azeites Andorinha me enviaram seus quatro novos azeites e me pediram para criar receitas para cada um deles, não tive dúvida: decidi atacar de emulsões e assim esclarecer de uma vez por todas as dúvidas da galera, apresentar 4 receitas diferentes de vinagretes e de quebra uma receita de salada, usando uma delas

Vamos lá?

técnica de cozinha

Emulsões tipo vinagrete

Eu sei, vc sempre deve ter se perguntado porque o seu molhinho de salada nunca fica encorpado, cremoso e com acidez na medida certa como o do restaurante, não é mesmo?

Pois pode ficar feliz, que esta é uma técnica super simples e depois dela suas saladas nunca mais serão as mesmas!

azeites andorinha (flavia valsani para cozinha da matilde)

Esse tal molhinho dos restaurantes é chamado de vinagrete. Tecnicamente falando, é uma emulsão instável, ou seja, um molho composto por dois líquidos que via de regra não se dissolvem um no outro e mantém, portanto, suas características originais. Mas uma vez misturados com vigor, parecem estar dissolvidos, resultando em um molho encorpado e brilhante com sabor equilibrado entre ácido e azeite.

Trocando em miúdos, é o que acontece quando misturamos água com óleo, eles vão ficar sempre separados, mas se a gente misturar bem os dois, as moléculas de água vão se fracionar em gotículas muito pequenas que ficarão envolvidas nas de óleo também pequenas, parecendo que os dois estão misturados. É uma solução instável, ou seja, se a gente parar de misturar e deixar em descanso, os dois líquidos (água e óleo) voltam a se separar.

Eu gosto de brincar que esse tipo de emulsão é como um casal que odeia rotina, precisa estar sempre se agitando. Em repouso, na pasmaceira, acaba se separando! :)

Na vinagrete misturamos um ácido que pode ser vinagre, aceto, vinho, suco de frutas, mostardas, com um óleo, que pode ser um tipo especial como de nozes, de abacate, amêndoas… ou você pode fazer como eu e brincar com diferentes azeites:

degustacao-azeites-andorinhas-(flavia-valsani-para-cozinha-da-matilde)

Para o azeite Andorinha Vintage com sabor herbal, amargor de fundo e que abre o bouquet no final eu fiz uma emulsão com suco de tangerina que casou com o toque herbal. Foi com essa vinagrete que temperei a saladinha cuja receita vai ao final.

Já o Andorinha Orgânico, que tem um amargor mais persistente e pungente, eu combinei com um vinagre especial de pinot noir, cuja acidez equilibrou o amargo.

Com o Andorinha Extra Virgem, super suave, eu fiz uma emulsão com vinagre de champagne e framboesas frescas esmagadas, casamento perfeito de sabores delicados.

Por fim, o Andorinha Seleção, redondo, macio e super aromático, refrescante com sabor de ervas, eu achei que seria o par perfeito para uma vinagrete com o brasileiríssimo maracujá, e acertei, ficou perfeito!

E como faz?

3 para 1

A primeira dica aqui é a proporção, deverá ser de uma parte de ácido para três partes de azeite, ou seja, para cada colher de vinagre ou suco de frutas você deverá usar 3 colheres de azeite, menos que isso não formará a emulsão, ficará um molho ralo e separado.

Essa proporção garantirá além da textura encorpada e aveludada, sabores delicados com acidez na medida certa.

Dissolva o sal no ácido

Esse é o primeiro passo. Depois acrescente o azeite em fio batendo a mistura com um fouet ou um grafo sem parar até que fique um molho encorpado e brilhante. Está pronto.

Use Djá!

Deve ser usado imediatamente, se deixar em repouso o azeite voltará a se separar do ácido, mas se isso acontecer não se apavore, misture novamente e se for necessário acrescente um bocadinho mais de azeite!

Emulsão pronta, regue a salada, mas sem exageros, apenas na medida para temperar e destacar o sabor de cada um dos ingredientes!

Vamos às recitas das emulsões de hoje?

receita

ingredientes-vinagrede-de-framboesa-(flavia-valsani-para-cozinha-da-matilde)

1 – Vinagrete de framboesa com Andorinha

Ingredientes

3 colheres (sopa) de Azeite Andorinha Extra Virgem +  1/2 colher de polpa de framboesas frescas esmagadas + 1/2 colher de sopa de vinagre de champagne (ou vinagre de vinho branco) + sal ou flor de sal à gosto.

vinagrete-de framboesa-passo-a passo-(flavia-valsani-para-cozinha-da-matilde)

Modo de fazer

Misture o vinagre com a polpa de framboesa. Dissolva o sal nessa mistura. Acrescente o azeite em fio batendo sem parar até obter uma mistura homogênea, brilhante e encorpada. Use imediatamente.

2- Emulsão com vinagre de pinot noir e Andorinha Orgânico

Esse aqui é um clássico, um bom vinagre e azeite, vai bem com quase tudo, deixa qualquer saladinha simples especial!

ingredientes vinagrete vinho tinto (flavia valsani para cozinha da matilde)

Ingredientes

1 colher (sopa) de vinagre de pinot noir (pode ser substituído por vinagre de vinho tinto) + 3 colheres (sopa) de azeite Andorinha Orgânico + sal a gosto

vinagrete-de-vinho-tinto-(flavia-valsani-para-cozinha-da-matilde)

Modo de fazer

Dissolva o sal no viangre. Acrescente o azeite em fio, até formar uma emulsão. Use imediatamente.

3- Emulsão de maracujá com Andorinha Seleção

Esse aqui é especial, fica perfeito em saladas com frutos do mar ou com frutas tropicais como manga!

emulsao-de-maracuja-com-azeite-andorinha-ingredientes-(flavia-valsanipara-cozinha-da-matilde)

Ingredientes

1 colher (sopa) de suco de maracujá concentrado + 1 colher (chá) sementes de maracujá + 3 colheres (sopa) de azeite Andorinha Seleção + sal a gosto

vinagrete-de-maracuja-(flavia-valsani-para-cozinha-da-matilde)

Modo de fazer

Dissolva o sal no suco de maracujá, acrescente o azeite em fio até obter um molho brilhante e cremoso, acrescente as sementes de maracujá. Use imediatamente.

4- Vinagrete de tangerina com Andorinha Vintage

E é com esse aqui que vou temperar a salada de hoje, um queridinho!

vinagrete-de-tangerina-(flavia-valsani-para-cozinha-da-matilde)

Ingredientes

1 colher (sopa) de suco de tangerina + 3 colheres (sopa) de azeite Andorinha Vintage + sal a gosto

Modo de fazer

Dissolva o sal no suco de tangerina, acrescente o azeite em fio misturando sem parar até obter um molho brilhante e cremoso. Use imediatamente.

receita

Salada de verdes com tangerina, amêndoas e nibs de cacau

Uma das combinações clássicas de sabor que eu adoro é laranja/tangerina com amêndoas e chocolate. Acho perfeita, a acidez da tangerina com a doçura das amêndoas e o amargo do chocolate fazem a alegria do meu paladar.

salada de verdes com tangerinae amendoas (flavia valsani para cozinha da matilde)

E foi pensando nessa combinação que criei essa saladinha aqui com folhas verdes, gomos de tangerina, lâminas de amendoa e nibs de cacau, que nada mais é que a castanha do cacau torrada e quebradinha, um pré chocolate que agrega sabor e crocância à qualquer preparo… eu, desde que conheci essas danadinhas nunca mais deixei de usar!

Ingredientes

  • 1 porção de verdes variados
  • 2 colheres (sopa) de amêndoa em lâminas
  • 1 colher (sopa) de nibs de cacau (castanha do cacau torrada e quebrada)
  • Gomos sem pele de uma tangerina
  • 1 colher (sopa) de folhas de tomilho limão
  • 2 colheres de emulsão de tangerina com azeite Andorinha Vintage

Modo de fazer

Em um prato disponha os gomos de tangerina, as laminas de amêndoa e os verdes de sua preferência.

Acrescente os nibs de cacau e as folhas de tomilho limão.

Regue com a emulsão de tangerina com Azeite Andorinha Vintage. Sirva imediatamente.

salada-de-verdes2-com-tangerina-e-nibsde-cacau-(flavia-valsani-para-cozinha-da-matilde)

Bom apetite!